Honram-me lendo meus escritos...

terça-feira, 3 de julho de 2012

Quarta de Limericks

Por que a sociedade é escatológica!

Maior abandonado

I
 
Aviso de vital importância:
Irei até a última instância.
Quero mais amor
Dê-me, por favor,
o qu'eu não tive em minha infância

II

A cola, o crack e a prostituição
Esquinas, onde irmão come o irmão
indumentária
da Candelária
Onde pela manhã, ouve-se um sermão

III

 Eu durmo na Praça da Liberdade.
Fica no centro de minha cidade.
O banco é cama
A vida é drama
e a noite é uma eternidade.

Cristiano Marcell

8 comentários:

  1. Limerique

    Urbanização, dinheiro, ciência
    Do homem exige-se paciência
    Rolo-cidade
    Iniquidade
    Resta bolor, cheiro e demência.

    ResponderExcluir
  2. Limerique

    O homem vive em seu nicho
    Como outro qualquer bicho
    Constrói edifício
    Com sacrifício
    Nas ruas indiferença e lixo.

    ResponderExcluir
  3. Andamos entre marginalidades
    como quem anda sobre sonhos de pólvora.

    Parabéns pelo texto, amigo.

    ResponderExcluir
  4. a vida em três tempos. o compasso marcado pela tua voz.

    abraço, amigo-poeta de tantos mundos!

    ResponderExcluir